Impressoras 3D produzem máscaras para proteção de profissionais da saúde
Impressoras 3D produzem máscaras para proteção de profissionais da saúde.

Editado/publicado em 02/04/20


Divulgação Foto: Marinha

Uma das grandes dificuldades enfrentadas no combate à disseminação da COVID-19 é a falta de equipamentos de proteção para profissionais da área da saúde. Para minimizar o problema, o Centro Tecnológico do Corpo de Fuzileiros Navais (CTecCFN), que tem um Laboratório 3D, e o SOS3DCOVID-19, uma parceria de profissionais civis que têm a expertise na fabricação, uniram-se para produzir máscaras de proteção para militares e civis.

O protetor facial, feito por meio da impressão 3D, recebe o nome de máscara-escudo ou "face shield". Surgiu na República Tcheca, em meio à pandemia global, a Covid-19, e em pouco tempo chegou ao Brasil. É formado por três peças: uma placa transparente de acetato, que é a viseira; uma “tiara” impressa em 3D e um elástico que ajusta o equipamento ao profissional.

A Receita Federal também colaborou com a parceria, cedendo impressoras 3D. Desta forma, o CTecCFN está com oito máquinas dedicadas exclusivamente à produção, além de contar com cortadora a laser e insumos, tendo capacidade de fabricar o protetor facial em sua totalidade.

Conforme o Capitão de Mar e Guerra (FN) Hélcio Blacker Espozel Júnior, Comandante do CTecCFN, o laboratório 3D serve para projetar e imprimir peças de armamentos, rádios e viaturas descontinuados ou de difícil obtenção, mas desde o dia 26 de março deu início à produção das máscaras, com média diária de 20 peças.

“A próxima meta é confeccionar 30 máscaras por dia. Queremos que os profissionais da saúde sintam-se amparados em um momento tão delicado como esse”, afirma Espozel.

O engenheiro mecânico Pedro Accioly, voluntário do SOS3DCOVID-19, foi o responsável pela intermediação com a Marinha e pela entrega dos arquivos para fabricação por impressão 3D. Ele conta que, até o momento, o SOS3DCOVID-19 já doou mais de mil protetores faciais.


Divulgação SOS3DCOVID-19

“O SOS3DCOVID19 é uma iniciativa de engenheiros, médicos, professores e alunos para ajudar no combate ao coronavírus. Estamos doando para diversos hospitais de acordo com a necessidade e a estrutura de leitos, para atender pacientes com coronavírus. A Marinha está vindo somar solidariedade conosco”, afirma Accioly.

O médico urologista Alexandre de Freitas, um dos criadores do SOS3DCOVID19, trabalha atualmente no Hospital Federal de Ipanema e afirma que as máscaras impressas em 3D têm a mesma eficácia das comuns.

Com informações do Ministério da Defesa (MD)


Copyright © 2018 - Bicas News by Navearte - CNPJ: 23.987.662/0001-00 - Praça Rui Barbosa, 33 - Centro - Bicas - MG - CEP: 36600-000 - TEL: (32)3271-2244 - WhatsApp: (32) 98862-2244 - MÍDIA LIVRE - JORNALISMO INDEPENDENTE