Bicas - MG -

Presidente Jair Bolsonaro participa do lançamento de internet

de alta velocidade para populações da Região Amazônica

Estão previstas a construção de oito infovias de cabos de fibra ótica subfluvial na região que vão somar quase 12 mil quilômetros de extensão.

Editado/publicado em 15/01/22


A internet chegará por meio de cabos de fibra ótica instalados nos leitos dos rios - Foto: Isac Nóbrega/PR

O Presidente da República, Jair Bolsonaro, participou, em Macapá (AP), da cerimônia de lançamento do cabo da Infovia 00 que vai levar internet de alta velocidade a cerca de um milhão de moradores dos estados do Amapá e Pará, entre eles ribeirinhos e pescadores artesanais. A internet chegará por meio de cabos de fibra ótica instalados nos leitos dos rios.

A iniciativa é um marco das ações do Programa Amazônia Integrada Sustentável, que inclui o programa Norte Conectado, coordenadas pelo Ministério das Comunicações.

“O lançamento desse cabo submerso que vai conectar toda Região Norte do Brasil, vai trazer internet para todos vocês”, disse o Presidente da República, Jair Bolsonaro. E completou: “Isso é realmente fantástico para a nossa Região Norte, que engloba sete estados da federação”.

Com 770 quilômetros de extensão, o cabo de fibra ótica subfluvial vai conectar Macapá (AP) a Santarém (PA), passando pelas cidades paraenses Alenquer, Almeirim e Monte Alegre. A previsão é que a implantação da rede principal da Infovia 00 seja concluída até 31 de janeiro.

A velocidade da conexão proporcionada pelos cabos é quase mil vezes superior à banda larga doméstica. Em cada município, redes metropolitanas distribuirão o sinal da fibra óptica para organizações, entre elas instituições de ensino e pesquisa, hospitais, centros de saúde e unidades do poder judiciário. As redes metropolitanas da Infovia 00 devem ser entregues até março de 2022.

A opção de levar a internet a populações da Amazônia via cabeamento por meio do leito dos rios foi tomada para reduzir impactos ambientais. Uma rede típica, enterrada ou por postes, poderia provocar a derrubada de milhões de árvores.

O Presidente da República, Jair Bolsonaro, fez uma visita técnica à plataforma de lançamento dos cabos de fibra ótica subfluvial da Infovia 00 e acompanhou o início do lançamento da estrutura no leito do rio. Os cabos estão armazenados em dois carreteis e pesam quase uma tonelada. Produzidos na Alemanha, são revestidos com aço e camadas de proteção. A estrutura tem vida útil prevista de 25 anos.

Com toda engenharia e tecnologia aplicada, o projeto da Infovia 00 contou com investimento de R$ 94 milhões, a maior parte de recursos do Ministério das Comunicações. Também houve repasses do Ministério da Educação, do Conselho Nacional de Justiça e de emenda do Senado.

Inclusão digital para o Norte do país

Como parte do Programa Amazônia Integrada Sustentável, está prevista a construção de oito infovias que terão quase 12 mil quilômetros de extensão, passando pelos rios Amazonas, Negro, Solimões, Madeira, Purus, Juruá e Rio Branco.

Os cabos de fibra óptica levarão conexão a 58 cidades da região Norte e beneficiarão, aproximadamente, 10 milhões de brasileiros que hoje vivem em localidades com baixa ou pouca infraestrutura de conectividade. O investimento total para a construção das infovias é de R$ 1,7 bilhão, de acordo com o Ministério das Comunicações. Parte dos recursos virá da arrecadação do leilão do 5G.

Já foram iniciados os estudos para a implantação da Infovia 01 que interligará Santarém (PA) a Manaus (AM), passando por cinco municípios nos estados do Pará e quatro do Amazonas. A expectativa é que o lançamento ocorra no último trimestre de 2022, de acordo com o Ministério das Comunicações.

Transferência de terras para o Amapá

Durante a cerimônia, o presidente do Instituto Nacional de Colonização e Reforma Agrária (Incra), Geraldo Melo, anunciou a transferência dos primeiros hectares de terras da União para o Amapá. Segundo Geraldo Melo, há 34 anos a lei determina que as terras da União sejam repassadas para o estado.

Na cerimônia, foram transferidas a Gleba de Água Fria, com 146,2 mil hectares e a Gleba de Santa Maria, com 13,3 mil hectares, beneficiando ao todo cerca de 14 mil ocupantes.

O Presidente da República, Jair Bolsonaro, afirmou que o avanço da transferência das terras da União para o Amapá trará desenvolvimento para a região. “Há 30 anos esperavam isso, em três nós fizemos. Com isso, o estado vai ter uma área enorme para bem administrá-la. Com toda certeza, novas habitações, área voltada para o agronegócio, também para a agricultura familiar, bem como assentamento de pessoas. O estado, agora sim, se torna robusto, se torna um estado com corpo e com alma”, destacou.

Fonte: Planalto - gov.br

Notícias mais recentes publicadas


Copyright © 2022 - Bicas News by Navearte - CNPJ: 23.987.662/0001-00 - Praça Rui Barbosa, 33 - Centro - Bicas - MG - CEP: 36600-000 - TEL: (32)3271-2244 - WhatsApp: (32) 98862-2244 - bicasnews@bicasnews.com.br
O crédito ao Bicas News é obrigatório, exceto quando especificado ou para conteúdos reproduzidos de terceiros.