Acidentes caem nas rodovias federais durante o feriado da Independência
Também foram flagrados mais condutores dirigindo embriagados; houve um aumento de 41% em relação ao último ano.

Editado/publicado em 10/09/18

A Polícia Rodoviária Federal (PRF) finalizou a Operação Independência registrando uma queda no número de acidentes em todo o país. Já a quantidade de flagrantes de condutores dirigindo embriagados, motociclistas sem capacete e crianças viajando sem a cadeirinhas obrigatórias, cresceu na edição da operação deste ano. A ação teve início no último dia 6, e terminou neste domingo (9). A operação deste ano durou um dia a menos em relação a do ano passado, quando o feriado caiu em uma quinta-feira.

A PRF registrou 820 acidentes, que resultaram em 1.037 feridos e 82 mortos. Considerando o mesmo período do ano passado, o total de acidentes em 2017 foi de 903. Já o número de feridos e mortos foi de 896 e 73, respectivamente. Os estados onde foram registrados mais óbitos foram a Bahia, Minas Gerais, Pará e Paraná. Apenas em uma ocorrência, registrada no sábado (8), cinco pessoas morreram e outras quatro saíram feridas após um capotamento na BR, no município de Dom Eliseu, no Pará. O motorista tentou uma ultrapassagem em local proibido, perdeu o controle do Fiat Uno e capotou. Todas as nove vítimas estavam no carro, que tem apenas cinco lugares.

Diversas campanhas educativas foram realizadas ao longo do período da operação. Mesmo assim, o número de motoristas flagrados dirigindo embriagado cresceu. Variou de 651, em 2017, para 917, neste ano; o que representa um aumento de 41%. Usuários de motocicletas também se destacaram negativamente ao londo do feriado da Independência. Foram 600 condutores flagrados pela PRF sem capacetes, equipamento obrigatório para quem pilota ou viaja como passageiro. O índice de infratores nesta categoria cresceu 79% em relação ao mesmo período do último ano. Outro tipo de infração de trânsito que a PRF também registrou mais flagrantes que o ano passado foi no transporte de crianças em veículos sem os equipamentos exigidos pela legislação; o bebê conforto, a cadeirinha e o assento de elevação. As autuações cresceram em 41 %; o que demonstra a negligência dos pais quanto à preservação da vida dos seus filhos.

Educação para o trânsito – Desde o início da operação, no dia 6 de setembro, a PRF realizou campanhas educativas com objetivo de sensibilizar os condutores sobre as condutas mais lesivas no trânsito. Em alguns pontos de fiscalização, a PRF convidou motoristas para assistirem filmes que mostram o resultado de algumas condutas displicentes de motoristas como a falta do uso do cinto de segurança, o excesso de velocidade, embriaguez ao volante e a ultrapassagem perigosa.

Combate à criminalidade – A Polícia Rodoviária Federal (PRF) atuou intensamente no combate ao crime nas rodovias federais. As apreensões de drogas e a prisão de criminosos foram destaque neste feriado. Confira alguns números:

Apreensões:

Maconha – 4,1 toneladas;
Cocaína – 13.8 quilos;
Cigarros – 880 mil;
Armas de fogo – 17;
Munições – 122;
Veículos recuperados – 17

Com informações da Agência PRF


Copyright © 2016 - Bicas News by Navearte - Praça Rui Barbosa, 33 - Centro - Bicas - MG - CEP: 36600-000 - TEL: (32)3271-2244 - WhatsApp: (32) 98862-2244

Copyright © - Bicas News by Navearte